Aula na FLUP



No passado dia 15 de Novembro, e à semelhança de anos anteriores, a Dryas apresentou uma aula subordinada ao tema Práticas de Acompanhamento Arqueológico no âmbito da unidade curricular de “Arqueologia Território e Paisagem” do Mestrado da Faculdade de Letras da Universidade do Porto, leccionada pela professora Maria de Jesus Sanches.

A apresentação, intitulada “acompanhamento arqueológico: enquadramento legal e estudo de casos”, visava, acima de tudo, alertar para a complexidade deste tipo específico de trabalhos arqueológicos, que exige do arqueólogo uma preparação técnico-científica particularmente desenvolvida e uma elevada capacidade de decisão.

ausência de uma definição legal deste tipo específico de intervenção arqueológica e a necessidade de definição de metodologias e técnicas próprias, foi um dos assuntos abordados nesta apresentação. Neste sentido, foi apresentado o procedimento técnico de Acompanhamento Arqueológico desenvolvido pela Dryas, que assim define a sequência de actividades deste tipo de intervenção, de modo a assegurar o cumprimento da estratégia e princípios metodológicos definidos e a qualidade dos trabalhos arqueológicos.

Finalmente foi apresentado o exemplo de uma intervenção de arqueologia preventiva com uma grande componente de Acompanhamento Arqueológico, e que face à diversidade de situações reconhecidas e de opções metodológicas tomadas ao nível da recuperação da informação, se apresenta como um exemplo paradigmático deste tipo de intervenções.



Arquivo de Notícias