GPR na Rua dos Lagares



No quadro de uma intervenção de Arqueologia preventiva de um projecto de reabilitação urbana, a Dryas executou na Rua dos Lagares, Lisboa, uma campanha de prospecção geofísica para avaliar o risco arqueológico e detectar vestígios arqueológicos na parcela interessada pelo projecto.

A estratégia da campanha de prospecção de georradar foi desenhada de molde a maximizar a obtenção de informação acerca do possível conteúdo arqueológico do local, nomeadamente através da detecção remota de antigas estruturas arqueológicas.

Esta técnica, de execução muito rápida, permite obter num curto espaço de tempo e de forma muito económica uma imagem fidedigna do risco arqueológico do local, produzindo informações detalhadas acerca da planta e profundidade de quaisquer estruturas enterradas.

No caso da Rua dos Lagares, realizou-se um programa exaustivo com um total de 321 perfis GPR cujo processamento permitirá obter uma imagem tridimensional do solo do local, mesmo antes de qualquer intervenção intrusiva.

Para além do objectivo estritamente arqueológico, a campanha de GPR visou também produzir informações estratégicas para o próprio projecto de engenharia, tais como um mapa de profundidades do bedrock e elementos para a caracterização geológica do local e análise das patologias do edifício que vai ser intervencionado, usando-se para tanto antenas GPR de diferentes frequências.



Arquivo de Notícias